A gestão do conhecimento é o maior patrimônio de uma empresa

A gestão do conhecimento é o maior patrimônio de uma empresa

 

Houve uma época em que as empresas se orgulhavam de possuírem equipamentos sofisticados, instalações modernas ou um prédio imponente. Afinal, tudo isso refletia uma trajetória bem-sucedida e o patrimônio material era muito valorizado. Os tempos agora são outros e sofreu grande transformação. Na era da globalização, o aprimoramento e a expansão da internet, e a rapidez na troca de informações trouxeram um novo conceito para as empresas: o capital intelectual ou gestão do conhecimento.

O conceito básico mencionado pelo Sebrae é que ‘todo conhecimento existente na empresa, na cabeça das pessoas, nos processos operacionais e no funcionamento dos departamentos, pertence à empresa’. Independentemente de qual porte for, os dados adquiridos nos processos internos, nas atividades de seus profissionais e no conhecimento técnico, são muito valiosos e vão gerar novos negócios e refletir na lucratividade da empresa.

De acordo com uma pesquisa recente elaborada pela Deloitte, companhia especializada em consultoria, as empresas pretendem investir cerca de 2,4% de seu lucro em benefícios para seus colaboradores. Entenda-se como benefícios meios para estimular a criatividade, criar um ambiente motivador e incentivar o desenvolvimento de novas competências para gerar mais conhecimento.

 

Compartilhar o conhecimento com todos

Além de todo conhecimento adquirido pela empresa é importante que todos os colaboradores possam ter acesso a ele. Dessa forma, estimula-se o aprendizado e também novos assuntos podem ser desenvolvidos e incorporados. A divulgação pode ser feita pelos meios de comunicação disponíveis, como a internet, murais físicos, boletins informativos, etc. O ideal é que todo o capital intelectual esteja disponível a todos, desde os empregados de cargos mais humildes, até a alta diretoria. Essa prática evita que, caso um colaborador-chave se desligue da empresa, os processos não sejam interrompidos e possam ser continuados mesmo com sua ausência.

Empresas de todos os tipos podem realizar a gestão do conhecimento. Uma loja de materiais de construção, por exemplo, se tiver em seus quadros uma pessoa que já tenha experiência com encanamento, pode alocá-la no departamento que comercialize tubos e conexões. Seu conhecimento prático pode ser um diferencial junto aos clientes que estarão mais seguros quando for adquirir algum produto. Vendedores são excelentes fontes de informação e todo conhecimento que adquirem podem ser ferramentas poderosas em estratégias de vendas, uma vez que tratam diretamente com os clientes e sabem quais são suas aspirações e necessidades.

 

Conhecimento explícito e tácito

Para entender um pouco melhor, podemos nomear os tipos de conhecimento em explícito e o tácito. O explícito é aquele documental, ou seja, está contido em livros, manuais, artigos, etc. Qualquer pessoa que tenha acesso a ele pode adquirir o conhecimento necessário apenas por meio da leitura.

Já o conhecimento tácito é conseguido por meio da vivência de cada um. Lembra do vendedor de materiais de construção com experiência em encanamento? Tudo o que ele sabe foi obtido pela prática que exerceu por um tempo, por isso pode dizer com propriedade tudo o que sabe sobre os produtos que vende.

 

Vantagens da gestão de conhecimento
Gerar conhecimento e compartilhar com os demais colaboradores evita uma série de contratempos que atrapalham a continuidade dos processos. A gestão do conhecimento proporciona rapidez na solução dos problemas, diminuição de erros, melhoria dos desempenhos individuais e no conjunto todo, trará vantagem competitiva, uma vez que a empresa estará mais apta ao enfrentar seus concorrentes.

A importância de uma boa gestão do conhecimento na empresa revela que, nos dias atuais, mais importante do que ter propriedades, maquinários e equipamentos de última geração, o fator humano é essencial, pois compartilhando conhecimento, os processos melhoram, se tornam mais assertivos e todos saem ganhando nos outros quesitos.

Escreva um comentário